Resenha: Os Segredos de Colin Bridgerton

Em 23.08.2014   Arquivado em Livros

2014-08-20 13.27.23

Eu sou uma amante de velharia e tudo que remeta à séculos passados, também sou completamente apaixonada pela família Bridgerton e pela escrita de Julia Quinn. Comprar o quarto livro da série na pré-venda meio que não foi tão surpresa assim.

Colin Bridgerton é aquele tipo de homem bem fácil de amar; simpático, bem humorado e extremamente educado.  Penelope Featherington não é a única apaixonada por ele em toda Londres, mas, aos 33 anos, Colin continua solteiro, preferindo longas viagens a uma esposa e filhos.

Penelope frequenta a casa dos Bridgertons há muitos anos e todos já a consideram como parte da família. O que ninguém sabe é que ela nutre uma paixão pelo irmão da sua melhor amiga, um dos solteiros mais encantadores e cobiçados da região. Acostumada à fama de solteirona, a senhorita Featherington sempre viveu a margem dos bailes e eventos da sociedade. Os irmãos Bridgertons tornaram-se então seus protetores e melhores amigos, um sentimento de pena e solidariedade que depois evoluiu para uma amizade sincera.

Quando Colin retorna de uma de suas viagens ao exterior, Penelope descobre seu maior segredo e chega à conclusão de que tudo o que pensava a respeito dele talvez não seja verdade. Por outro lado, Colin também descobre uma Penelope diferente; ela não é mais a jovem sem graça que era ignorada pela alta sociedade, agora era uma mulher determinada, de enorme senso de humor e uma beleza incomum.

De repente, Penelope não é mais só a melhor amiga de sua irmã ou uma divertida companhia ocasional. Colin começa a querer passar cada vez mais tempo ao lado dela e a se questionar como não foi capaz de ver o que sempre esteve a sua frente.

No entanto, quando descobre que ela guarda um segredo ainda maior que o seu, o sr. Bridgerton precisa decidir se Penelope é sua maior ameaça ou a promessa de uma vida feliz.

O quarto livro da série segue o padrão dos demais, repleto de bom humor e romance, sempre abordando os medos e dúvidas de seus personagens. Esse livro em especial conecta várias histórias da família, fazendo ponte com os livros anteriores e introduzindo personagens ainda não tão conhecidos assim.

Apesar de todo o encantamento que Colin nos causa, a magia do livro para mim está no fato de transformar uma grande e antiga amizade em um amor puro e forte. Os dois se conhecem desde muito jovens, tem gostos em comum e se sentem bem um com o outro, se compreendem e se apoiam. E, apesar de meu Bridgerton preferido ainda ser o Benedict, devo admitir que no quesito casal Penelope e Colin saem na frente. O amor deles é tão verdadeiro e eles são tão perfeitos juntos que contagia. Casamento entre melhores amigos realmente deve ser o segredo para a felicidade.

Não há mais palavras para classificar e elogiar a escrita de Julia Quinn, é leve e envolvente e não há como não reforçar isso a cada resenha de Os Bridgertons que faço, com esta não poderia ser diferente. Já tive o prazer de conhecer metade da família, me sinto intimamente ligada a eles e não sei se estou pronta para me separar. Ao mesmo tempo, me sinto eufórica e ansiosa para o lançamento do próximo livro. Eloise nos deixa com muita expectativa em Os Segredos de Colin Bridgerton.

trecho os bridgertons 4

 

Confira a resenha dos outros livros da série:

O Duque e Eu (livro 1) | Um Perfeito cavalheiro (livro 3)

 

 

Não está participando do sorteio? Ainda dá tempo!

sorteio