just walk away

Em 09.05.2010   Arquivado em Uncategorized

Não havia mais alegria estampada em meu rosto. Todos se perguntavam onde fora parar a alegre e divertida Alice, a palhaça da turma que sempre colocava todo mundo pra cima. Nem eu mesmo sei onde essa menina foi parar. É uma coisa que eu venho tentando entender há algum tempo.

O motivo de eu ter me tornado assim, triste, calada e cabisbaixa acho que não é novidade. É tudo culpa dele que foi embora sem mesmo dizer adeus. O fato é que ele me deixou assim, sem mais nem menos. Estávamos felizes juntos e, de uma hora para outra, ele sumiu da minha vida como se eu não existisse, como se eu não tivesse significado algum na vida dele, e eu sei que tinha.

Já faz um mês que ele se foi sem dá satisfação nenhuma, sem me dizer um por que. Eu nunca ouvi um adeus, tchau ou até logo. Nem sei se ele vai voltar. E alguma parte dentro de mim deseja que ele volte e me faça esquecer de tudo que passei sem ele ao meu lado. Mas outra parte de mim, diz que tenho que seguir em frente, esquecer o passado e viver mais o presente. O futuro? Só Deus sabe o que me espera, mas até lá, tenho que tirá-lo da minha mente e ser forte. Acho que sou.

Talvez eu não volte mais a ser a Alice divertida que todo mundo sente falta, mas de uma coisa eu tenho certeza: essa tristeza não vai mais atrapalhar minha vida. Eu preciso seguir em frente. Eu vou seguir em frente. E se algum dia, ele decidir voltar, vou recebê-lo de braços abertos, acho que o amor e a esperança vão me manter de pé até lá. 😉

Página 125 de 125«1 ...121122123124125