Música | A-HA: música atemporal

Em 17.08.2015   Arquivado em Música

1rs4jask3m6yfr1l4yk3lb7w2

Acredito que todo mundo já deve ter ouvido uma música do A-ha. E isso não é surpresa alguma.

A banda norueguesa, formada em 1982 tem sido um grande sucesso desde o seu primeiro álbum de estréia, o excelente “Hunting High and Low”, lançado no ano de 1985, onde, por mais clichê que isso possa parecer, contém minha canção preferida do grupo composto pelo vocalista Morten Harket, o guitarrista Paul Waaktaar e o tecladista Magne Furuholmen, a clássica “Take on me”.

O A-ha foi e é uma das bandas mais influentes do cenário New Wave, Synthpop e do próprio Pop Rock, inspirando uma série de grandes artistas e bandas por todo o mundo. Chris Martin, cantor do Coldplay, considerao A-ha uma grande influência para sua formação musical. Hello kids! Foquem aqui que essa é pra vocês, novinhos: o vocalista que é um dos mais influentes e idolatrados hoje considera o trio norueguês como geniais. Se isso não é um bom motivo para ir conferir o som dos caras, não sei mais o que seria.

É importante lembrar que a banda já realizou uma turnê mundial de despedida, em 2010, a qual foi um estrondoso sucesso, afinal, o A-ha conseguiu a proeza de vender nada mais, nada menos do que 60 milhões de cópias em todo mundo. E você aí, torcendo pra suas visualizações no Youtube cheguem a 10, né? Não está sendo fácil mesmo.

541583_10152828075061211_8189737662174628033_n

Porém, queridos, aconteceu. Sim, isso mesmo que você está pensando. O A-ha está de volta. E digo mais, com álbum novo pronto para lançamento, o aguardado “Cast in Steel”. E advinha onde eles vão voltar? Brasil, baby.

Ah, Rock in Rio, como eu te amo. E não para por aí: o A-ha estará em turnê nas terras brasileiras. Vai perder essa?

Para garantir seu lugar no show, a melhor opção está sendo pela linda da Ticketbis. Mal posso esperar para chegar a hora.

Curiosidade: Lembra que eu falei de “Take on me”? Parece que o pessoal do Family Guy gosta bastante também.

Imagem de Amostra do You Tube

Post escrito por Bruno Britto, especialmente para o Refúgio.