Categoria "Cinema"

Indicação do Dia: Romances de Época

Em 30.07.2013   Arquivado em Cinema, indicação do dia

Continuando as indicações do mês, o gênero da vez é filmes de época. Não sei se agrada a vocês, mas eu sempre fui apaixonada por coisas de época; as roupas, os costumes, os romances! Aqui estão os meus preferidos.
(Muito amor por Jane Austen ♥)

Orgulho e Preconceito (Pride and Prejudice – 2005)
Esse é um clássico de Jane Austen, conta a história das cinco irmãs Bennet na Inglaterra de 1797, criadas por uma mãe cujo único objetivo era encontrar para as filhas maridos que lhes garantissem um bom futuro ($$). Mas Elizabeth possui ambições diferentes, seus desejos vão muito mais além do que dedicar sua vida a um marido. Quando o esnobe Sr. Darcy chega na cidade as discussões se tornam frequentes. 
O filme é lindo, apaixonante. Elizabeth me inspira! 


Desejo e Reparação (Atonement – 2007)

Vou logo avisando que essa história não se encaixa na categoria “felizes para sempre”, é um drama de roteiro e atuações impecáveis. Ás vezes é de apertar o coração, angustiante. A personagem principal, que coincidentemente, tem meu nome, é de uma força e um amor sem limites. 
O enredo se dá quando Briony, aos 13 anos, usa sua imaginação de escritora principiante para acusar Robbie Turner, o filho do caseiro e amante da sua irmã mais velha Cecília, de um crime que ele não cometeu. Tal situação acaba gerando mudanças terríveis na vida dos dois. 


Amor e Inocência (Becoming Jane – 2007)

Esse filme traz parte da biografia da escritora inglesa Jane Austen, (interpretada pela linda, maravilhosa e talentosa Anne Hathaway). Como todas as moças da época, seus pais querem casá-la com um homem rico que possa tirar a família da situação financeira ruim na qual estão vivendo, mas Jane quer viver da sua escrita ao lado do inteligente e arrogante Tom Lefroy. 
O filme retrata o amor impossível de uma forma que eu nunca havia visto em nenhum outro filme. Chorei várias vezes, é realmente emocionante. 


Histeria (Hysteria – 2011) 

Vamos falar de história, a história do surgimento do vibrador! Hahahahaha, calma, gente, não é isso que vocês estão pensando. Está bem, é sim isso que vocês estão pensando, mas ao contrário do que o título ou a sinopse sugerem, o filme não é proibido para menores ou coisa do tipo, hahahaha. É uma comédia romântica (de época!) leve e bem curiosa. 
Se vocês pesquisarem vão descobrir que de fato a palavra histeria estava associada à um mal que afligia a maioria das mulheres na Londres vitoriana, e o fofo do Hugh Dancy é quem interpreta o dedicado médico que vai descobrir a “cura” para a “doença”. 
Na realidade o filme é bem divertido e agradável, vale a pena conferir. 



Anna Karenina – 2012
Esse filme é uma obra de arte completa! O que me deixou encantada por ele foi a teatralidade presente nos cenários, gestos e danças, me senti no teatro! Com um elenco de primeira, a trama conta a história da aristocrata Anna karenina que, apesar de possuir beleza, riqueza, popularidade, um marido e um filho amado, ainda se sente vazia, até se apaixonar pelo Conde Vronsky.
Achei o filme cansativo algumas vezes, mas não dava pra ser perfeito né? 



Confiram também: Casanova, Shakespeare Apaixonado

Estou no FILMOW, adiciona lá! =) 


Página 23 de 23«1 ...1920212223